http://prozonesp.cetesb.sp.gov.br

03/04/17 10:28

Com investimento de R$ 3 mi, Chemours escolhe Manaus para lançar 1ª unidade no Brasil

com informações da assessoria

A Chemours, indústria química global líder de mercado em Tecnologias de Titânio, Produtos Fluorados e Soluções Químicas, inaugurou oficialmente sua nova unidade produtiva de fluido refrigerante Freon™ 410A. Localizada em Manaus (AM), esta é a primeira planta de R-410A a ser estabelecida no Brasil e reforça o compromisso da empresa com seus clientes no país.

A produção da nova unidade é destinada aos fabricantes de ar-condicionado de Manaus
Foto: Divulgação

Com um investimento de R$ 3 milhões, a nova planta, que desde 2013 funcionava como um Centro de Distribuição de fluidos refrigerantes, a partir de agora passa a produzir o fluido R-410A, um HFC que não degrada a camada de ozônio e cuja aplicação é feita em condicionadores de ar domésticos e comerciais e bombas de calor.

A produção da nova unidade é destinada aos fabricantes de ar-condicionado de Manaus e, ainda em 2017, atenderá aos fabricantes de outros países da América do Sul, como a Argentina. Sua capacidade produtiva é de oito mil toneladas por ano e seu funcionamento vai trazer benefícios para os clientes da região de Manaus, visto que o tempo de entrega dos produtos irá reduzir significativamente.

“Essa nova planta representa um importante passo para a Chemours, visto que demonstra um compromisso com nossos clientes. Fortalecemos nosso relacionamento com aqueles que atendemos localmente e, além disso, reforçamos nossos objetivos de expandir os negócios na região. Esse fluido refrigerante, até então, era importado e, considerando as condições geográficas, a entrega em Manaus exigia um tempo ainda maior do que em outras capitais. Com a unidade em funcionamento, a redução do prazo da entrega será de 90%”, explica Maurício Xavier, presidente da Chemours no Brasil.

Faz parte da missão da empresa investir constantemente de maneira a entregar produtos e inovações de alta qualidade, de forma segura, ágil, eficiente e mais sustentável, tornando possível o contínuo crescimento de seus clientes. “A partir de agora, as indústrias de Manaus também poderão contar com o benefício de ampliar a utilização de produtos nacionais em seu produto final, fomentando a indústria local e a economia nacional, além de aumentar a vantagem competitiva”, finaliza Xavier.

Renato Cesquini, Gerente de Negócios de Fluorquímicos da Chemours, explica que Freon™ 410A é bastante utilizado na fabricação de equipamentos de ar-condicionado residencial e comercial, inclusive aqueles com a tecnologia Inverter, que está sendo muito demandada ultimamente no Brasil. “Este fluido refrigerante é um HFC, e tem substituído o R-22 em ares-condicionados, permitindo que o Brasil se adeque às normativas do Protocolo de Montreal para eliminação de HCFCs”.

Além disso, equipamentos que utilizam Freon™ 410A apresentam melhoria da eficiência energética em até 45%, quando comparado com o fluido R-22. Freon™ 410A tem zero potencial de degradação da camada de ozônio, e é uma alternativa segura ao R-22 (HCFC), pois apresenta alto desempenho e não é inflamável. “Trazer essa tecnologia para produção local é um marco para o mercado brasileiro”, complementa Cesquini.

A marca Freon™ tem a confiança da indústria visto que os primeiros fluidos refrigerantes foram introduzidos no mercado pela empresa há mais de 85 anos. Durante este tempo, Freon ™ evoluiu para apresentar alta qualidade e desempenho em múltiplas aplicações dentro do segmento de ar-condicionado e refrigeração.

Fonte: emtempo > Notícias > Economia